Siga por e-mail

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Charger R/T 1971 & 1980 e o Colapso das Vagas


Caros,

Essa semana mais um carro foi pintado ... O R/T 71 amarelo boreal que veio, foi e voltou ....

Para recapitular a história deste carro: comprei ele em Foz do Iguaçu em 2007. O carro era muito zero, mas tinha sido pintado de vermelho com o teto branco, coisa linda mesmo ... kkkk ....

O carro passou um tempo na garagem de casa, depois foi para um galpão aguardar a vez dele de ser restaurado e voltar à sua cor original. Por o tempo passou e nada da vez dele chegar. 

Até que no final de 2010, estava afim de me desfazer de alguns carros "repetidos" e vendi este R/T para o meu amigo Gugu ... Só que o Gugu também não mexeu no carro e um ano depois me ofereceu o carro de volta. Acabei pegando.

                     
                           Charger R/T 71 amarelo boreal, pintado de vermelho ketchup

Como o investimento para trazer ele de volta foi considerável, optei por fazê-lo logo ... Não fazia sentido fazer o investimento para deixar o carro encostado aguardando a vez ...

Foram alguns meses de desmontagem, funilaria, preparação até que no último sábado ele voltou à sua mítica cor original !!
  


Olhando ele lindo assim só me faz pensar por que alguém, por que cargas d'água, trocaria a cor dele !!!!

Bom, agora o carro começa a fase de montagem, a fase mais legal, em que o carro vai tomando forma de carro de novo !!

De uma ponta da linha Charger (1971) para a outra (1980).

Novamente meu amigo Gugu ... 

Meses atrás ele faz um achado inacreditável ! Há 20 anos em uma fazenda, no desconhecido município de Irapuã, um Charger R/T 80 parado !

A história conta que o carro foi tirado zero kilometro em Catanduva e depois comprado por esta pessoa de Irapuã que tinha um projeto de customização para o carro, com mecânica Chrysler moderna, etc ...

Mas o que impressiona é o estado do carro ... A suspensão dianteira parece nunca ter visto um buraco ... O berço não tem um arranhão, as longarinas são impecabilíssimas, o carro é quadrado e vincado ... O Gugu achou o carro na hora certa, antes que ele passasse pela customização à qual o dono de propunha ... O motor matching number em estado aparentemente ótimo, está paracialmente demontado no porta malas ...

Como o Gugu está louco com os Chryslers americanos, acabei ficando eu com o carro ... Que logo será restaurado também ....




Olha que suspensão zero !!


O último assunto do post é o Cataclisma de Vagas !

O prédio do Museu está cheio. Acabei fazendo algo que não queria ter que fazer, acabei colocando carros no corredor central, obstruindo a saída dos carros e impossibiltando a visitação. 


Para completar, um imóvel onde eu posso guardar 6 carros aqui em São Paulo deverá ser desocupado quase que imediatamente para demolição. E eu ainda tenho 4 carros lá ... Dos 4, 2 eu consigo encaixar em outro lugar, mas ainda faltam 2 vagas. A única opção é colocar num estacionamento. Mas a idéia me arrepia. Além dos problemas que tive com estacionamento antes do Museu ficar pronto, não quero mais 2 mensalidades na minha lista de contas para pagar.

Ou seja, preciso me desfazer de dois carros ...

Quem realmente estiver disposto a adquirir um Dodge entre em contato pelo e-mail badolato@globo.com que a gente acha algo que se encaixe ....

Ah, última coisa ... Estou precisando de uma tampa da bomba da direção hidráulica Gemmer, como a da foto. Se alguém tiver uma sobrando, por favor entre em contato ... 



Abraços,

Badolato