Siga por e-mail

quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

Esplanada GTX vermelho indianápolis ... Update da restauração ...

Não me esqueço do dia que fui comprar essa GTX vermelho indianápolis. Eu estava com caxumba, de molho em casa, com recomendação expressa de não sair de casa sob risco da caxumba descer, sabe se lá para onde ...

Mas a ligação do Paulo dizendo que a GTX estava a venda me fez desobedecer a ordem médica ... Afinal desde que havia visto aquele "carro" meses antes, estava louco para adquiri-lo.

Coloquei carro entre aspas pois não havia sido exatamente um carro que encontrei na oficina quando cheguei. Ao contrário da vez que havia visto ele anteriormente, a GTX estava desmontada pois o dono havia começado a fazer uma reforma que há anos estava ensaiando.

Acredite: nessa foto tem um GTX ! Procure direito ...

O dono do GTX tinha comprado o carro em 1971. No final da decada de 70 ele fez uma primeira reforma no carro e enquanto reformava o GTX comprou um Esplanada 68 azul para usar .... Quando o GTX ficou pronto ele não tinha lugar para guardar o Esplanada e ... desmontou o carro e guardou as peças em casa. Dá para imagina o que ele tinha de peças sobressalentes, não ? Motor Emi Sul eram 3, o do carro, o do Esplanada 68 e mais um desmontado para peças ....  

GTX em início de "reforma" na oficina do ex-dono

Fechei a compra do carro e voltei para casa, esperando que a caxumba estivesse ainda no lugar dela ... Tinha combinado que o antigo dono (não me lembro o nome dele, José talvez ....) iria juntar tudo o que tinha do carro e que em 2 semanas iríamos buscar tudo ...

15 dias depois o carro foi para a nossa oficina, direto, sem escalas ...

O sr. José (o nosso, não o dono do carro), fez a funilaria do carro. Conseguimos uma porta traseira 0km para substituir uma que estava feia ... Depois o carro foi pintado e começamos a montagem.

Esses Esplanadas são mais complicados do que os Dodges para montar. As peças são raras, tudo é mais complicado ... O resultado é que outros carros foram saindo da oficina e o GTX ficando. Cheguei a alugar um pequeno salão perto da oficina para o GTX ficar sendo montado e não atrapalhar o andamento dos Dodges ... O resultado disso é que já se passaram uns 5-6 anos desde que o carro chegou. Mas agora está na reta final .... Hoje o Jeferson colocou as faixas e fizemos as fotos abaixo:





O motor do carro foi feito pelo Guedes, último expert em Emi Sul que eu conheço, e já está redondo, 0km.


Agora falta pouco ... Montar os frisos da traseira:


E o interior ... O interior precisa ser caprichado para honrar um dos interiores mais bonitos da indústria automobilística brasileira até hoje:
 

Colocando as fotos aqui no blog, vi que o ângulo de duas delas estão bem parecidos. Não vou resistir então a fazer um "Antes e Depois":

                            

Por hora é isso ...

Abraços,

Badolato


9 comentários:

  1. Uma GTX seria interessante em qualquer coleção de MoPars.

    Mas pronta, porque se para você tomou cinco anos, mesmo tendo um monte de peças, imagine para um amador (que já está restaurando um R/T 72 há três anos e meio e não acaba!).

    O interior desse carro é maravilhoso, para mim a parte mais legal do carro todo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Comando errado, para variar.

      Eu falava do interior, é o que mais me atrai na (ou no, não sei) GTX.

      Abração.

      Reinaldo
      http://reiv8.blogspot.com

      Excluir
  2. Carro ímpar, muito interessante.

    O interior é muito legal, o volante vem bem a calhar com o modelo. Me lembro de ter visto apenas 1 GTX na vida e sinceramente não imaginaria ver outro ao vivo, rsrsrs.

    Parabéns pela persistência e um forte abraço!

    Ps: Se brincar você restaura o GTX antes que eu com o meu Dart, que já estou na segunda pintura porque não ficou do meu agrado.

    http://leroicotidiano.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Parabéns, Badolato. Espero ver a história deste carro no seu terceiro livro! :-) Só vi um GTX até hoje de perto e realmente é um carro especial, principalmente o interior é de um grande capricho.

    Um abraço,
    Luciano
    http://obaltazar.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Lindo de +. E ai?? quando poderemos visitar o museu????????

    ResponderExcluir
  5. Que carro fantástico!!! Meu primo teve a chance de comprar um GTX anos atrás e deixou passar. Parabéns pela dedicação e amor aos Mopars!!!

    ResponderExcluir
  6. Que esmero na montagem do motor! Dá pra perceber pelo imagem!
    Parabéns! Sou seu fã!
    http://chargersetecinco.blogspot.com.br/




    ResponderExcluir
  7. Ainda bem q tu apareceu(mestre dos MoparesBR) pra poder recuperar esta beleza Historica e rara!!

    ResponderExcluir